Coronavírus

Urgência do Hospital de Évora em rutura. Dois utentes ficaram três horas à espera em ambulâncias

Hospital reconhece que situação pode piorar.

Saiba mais...

Dois utentes ficaram mais de três horas à espera dentro de ambulâncias no Hospital de Évora.

A denúncia é feita nas redes sociais pelos Bombeiros Voluntários de Mourão, na terça-feira à noite. Os bombeiros ficaram sem meios para socorrer em alguma situação de urgência que acontecesse no concelho.

A falta de espaço na urgência terá sido a causa. A administração do Hospital do Espírito Santo, em Évora, diz que a capacidade da urgência atingiu o limite da capacidade.

Com o aumento de casos ativos de covid-19, o hospital admite que a situação possa piorar e apelam à coordenação entre as entidades responsáveis.