Coronavírus

Sem data para reabrir, empresários do comércio e restauração estão preocupados com futuro

Esperam abrir portas na primeira fase de desconfinamento. Mas plano do governo só é conhecido dia 11 de março.

Saiba mais...

O primeiro-ministro não quis avançar datas nem setores prioritários para o desconfinamento, além das escolas. Remeteu todo o calendário para dia 11 de março, altura em que vai dar a conhecer aos portugueses o plano de desconfinamento.

O comércio, os serviços e a restauração aguardam até lá para saber quando podem voltar a abrir portas mas estão preocupados com o futuro.

Há muitos negócios que já não vão ter capacidade para reabrir. No caso dos ginásios, por exemplo, mais de 300 já encerraram definitivamente.