Coronavírus

Desconfinamento: o que reabre esta segunda-feira

CARLOS COSTA

Veja a lista

Saiba mais...

A segunda fase de desconfinamento arranca esta segunda-feira em Portugal, ao fim de 79 dias de confinamento obrigatório, imposto devido à pandemia de covid-19.

António Costa explicou na semana passada, após o Conselho de Ministros, que a "aplicação combinada de dois critérios" - incidência e ritmo de transmissão - mantém Portugal "claramente no quadrante verde".

"Podemos dar o passo de avançar nas medidas de desconfinamento previstas para a próxima segunda-feira", reiterou Costa.

Apesar da reabertura acontecer esta segunda-feira, a proibição de circulação entre concelhos só será levantada na terça-feira.

O que reabre:

  • 2.º e 3.º ciclos (e ATLs para estas idades);
  • Equipamentos sociais na área da deficiência;
  • Centros de dia;
  • Museus, monumentos, palácios, galerias de arte e similares;
  • Lojas até 200m2 com porta para a rua;
  • Feiras e mercados não alimentares (por decisão municipal);
  • Esplanadas (máximo de 4 pessoas por grupo);
  • Modalidades desportivas de baixo risco (sem contacto físico);
  • Atividade física ao ar livre até 4 pessoas e ginásios sem aulas de grupo.

Milhares de alunos regressam esta segunda-feira às escolas. O segundo e terceiro ciclo juntam-se aos do primeiro ciclo e às crianças das creches e pré-escolar, que tinham regressado a 15 de março.

Dia também para o regresso dos ginásios e academias, mas ainda sem aulas de grupo.

A permissão estende-se à atividade física e desportiva de baixo risco, como o ténis, o golfe, o padel, o surf e a natação.

Um desconfinamento a conta-gotas que mantém as regras do uso de máscara e do teletrabalho.

Rt a subir. Páscoa e desconfinamento podem fazer subir números

O risco de transmissão do novo coronavírus continua a subir e, segundo o relatório do Instituto Ricardo Jorge e da Direção-Geral da Saúde, o Algarve já ultrapassou o limite de 1.

Há ainda 19 concelhos que se mantêm em risco e que podem mesmo travar o desconfinamento.

Por agora, todos avançam para a segunda etapa de alívio de restrições, mas se, ao fim de duas semanas, voltarem a apresentar valores acima do limiar, terá de ser puxado o travão ao desconfinamento.

Marques Mendes diz que o "R" em Portugal continental passa o 1

"O RT nacional subiu para 0,98 e o fator mais perigoso é o R aqui no continente que já está em 1"