Coronavírus

Migrantes em Odemira. Chegam a estar mais de 30 pessoas na mesma casa, amontoadas em beliches

Autarca pede investigação ao fluxo de migrantes.

Saiba mais...

Em Odemira, onde duas freguesias permanecem sob cordão sanitário, foi reforçada a vacinação e ainda se aguardam as condições para mobilizar pessoas infetadas ou em isolamento profilático.

Nos cinco postos de vacinação, reforçados com oito enfermeiros do exército, deverão ser administradas 2.000 vacinas até segunda-feira, o que garante pelo menos a primeira dose a todos com mais de 60 anos.

Migrantes

Entretanto, há denuncias sobre a legalidade dos imigrantes que trabalham na agricultura na região.

Por exemplo, numa moradia na Zambujeira do Mar estão habitualmente mais de 30 pessoas. Amontoam-se por beliches, em compartimentos pequenos e de todo o metro quadrado é feito quarto. Cada inquilino, maioritariamente migrantes da Ásia ou Norte de África, chega a pagar 150 euros por pouco mais que nada.

Condições que agora ajudaram na propagação e difícil contenção da covid 19.