Coronavírus

Covid-19: homem recebeu 90 doses da vacina para vender certificados forjados 

Covid-19: homem recebeu 90 doses da vacina para vender certificados forjados 

Visitou vários centros de vacinação ao longo de meses.

Um homem de 60 anos foi detido na Alemanha depois de ter recebido 90 doses da vacina da covid-19 para vender certificados de vacinação forjados a pessoas que não se queriam vacinar. 

De acordo com as autoridades alemães, o homem, cuja identidade não foi revelada, visitou vários centros de vacinação no estado da Saxónia ao longo de meses para ser vacinado contra a covid-19. 

De cada vez que era vacinado e lhe era atribuído um certificado de vacinação, vendia-o a pessoas que não se queriam vacinar. A polícia, que já andava atrás do suspeito, deteve-o este mês, depois do homem ter visitado o mesmo centro de vacinação pelo segundo dia consecutivo. 

Até ao momento não se sabe os efeitos que as 90 doses da vacina – de fabricantes diferentes – poderão ter tido na saúde do homem.  

À semelhança do que aconteceu em Portugal, o certificado de vacinação é utilizado na Alemanha para aceder a alguns espaços como, por exemplo, restaurantes, teatros, piscinas e locais de trabalho. 

Saiba mais

Últimas Notícias
Mais Vistos