Crise Energética

António Costa saúda acordo entre Fectrans e Antram e espera que seja exemplo

RODRIGO ANTUNES

A Antram e a Fectrans assinaram um um acordo relativo ao contrato coletivo de trabalho.

O primeiro-ministro, António Costa, saudou esta quarta-feira o acordo alcançado entre a Antram e a Fectrans, afirmando que "imperou o bom senso e o diálogo", e desejou que seja um "exemplo seguido por outros".

"Saúdo vivamente o acordo alcançado entre a Fectrans e a Antram. Neste caso imperou o bom senso e o diálogo", escreveu António Costa na sua página na rede social Twitter.

O primeiro-ministro sustentou que se conciliou "o respeito pelos direitos dos trabalhadores e os interesses das empresas, possibilitando negociar sem confrontação" e afirmou esperar que "que seja um exemplo seguido por outros".

A Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias (Antram) e a Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans), afeta à CGTP, assinaram hoje um um acordo relativo ao contrato coletivo de trabalho numa reunião no Ministério das Infraestruturas e da Habitação, em Lisboa.

Lusa

  • Os tsunamis que arrasaram a Ásia em 2004 e 2011
    25:20