Presidenciais

Presidenciais. Marcelo marcou eleições no último dia legal

Eleições presidenciais realizam-se a 24 de janeiro. 

O Presidente da República marcou esta terça-feira as eleições presidenciais para 24 de janeiro de 2021.

As candidaturas têm agora até 24 de dezembro para serem apresentadas formalmente no Tribunal Constitucional.

O chefe de Estado esperou até ao último dia para agendar o sufrágio.

A Lei Eleitoral do Presidente da República estabelece que o chefe de Estado "marcará a data do primeiro sufrágio para a eleição para a Presidência da República com a antecedência mínima de 60 dias". Marcelo Rebelo de Sousa assinou este decreto 61 dias antes da data das eleições.

Quanto a uma recandidatura, o atual Presidente da República tem agora campo aberto uma vez que sempre disse que não faria qualquer sentido anunciar uma data enquanto candidato. O mais provável é que o anúncio seja feito em dezembro.