George Floyd

Polícia usou gás lacrimogémeo contra manifestantes em Paris

CHRISTOPHE PETIT TESSON

O pretexto é a morte do jovem negro Adama Traoré, em 2016, devido à violência policial.

Milhares de manifestantes reuniram-se em Paris num protesto antirracista e contra a violência policial este sábado

A polícia usou gás lacrimogéneo contra os manifestantes, que evocavam a morte de um jovem negro, sob custódia policial, num subúrbio de paris em 2016.

Os protestos têm subido de tom, também em França, desde a morte do norte americano George Floyd, no passado dia 25 de maio.

Alguns manifestantes destruiram um cartaz colocado pela extrema-direita francesa, que reclamava racismo contra a população branca.

A manifestação de hoje em Paris não tinha sido autorizada. Não é a únca realizada este sábado em França. Em dezenas das maiores cidades do País, como MAaselha, Bordéus, Lyon ou Estrasburgo, há milhares de pessoas a manifestar-se contra o racismo e a violência policial.