Guerra Rússia-Ucrânia

Rússia e China reforçam cooperação perante sanções ocidentais

Rússia e China reforçam cooperação perante sanções ocidentais

Putin e Xi Jinping conversaram sobre o conflito na Ucrânia.

A Rússia e a China vão aumentar a cooperação devido às sanções ocidentais. Na sequência de uma conversa entre Putin e Xi Jinping, concordaram expandir parcerias em áreas como a energia, indústria e os transportes.

O conflito com a Ucrânia também foi um dos temas que esteve em cima da mesa.

O registo da conversa telefónica não deixou claro porém quaisquer observações relativamente ao exercício dessa soberania em exemplos específicos, tais como a Ucrânia ou Taiwan.

A última chamada entre Xi Jinping e o presidente russo foi no final de fevereiro, no dia seguinte ao início da invasão da Ucrânia pelas forças russas.

Três semanas antes do início da guerra, o Presidente chinês também recebeu Vladimir Putin em Pequim, na altura da abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2022.

O Governo chinês não condenou a ofensiva militar russa na Ucrânia, recusando utilizar a palavra “invasão” para descrever auto-designada “operação militar” lançada por Moscovo e atribuindo a culpa do conflito aos Estados Unidos e à NATO.

Os dois países proclamaram ainda a sua “amizade ilimitada” e assinaram uma multiplicidade de acordos, nomeadamente no domínio do gás.

SAIBA MAIS

Últimas Notícias
Mais Vistos