Guerra Rússia-Ucrânia

A visita (surpresa) de Guterres à Moldávia

A visita (surpresa) de Guterres à Moldávia
VALENTYN OGIRENKO

A paragem não estava prevista no itinerário anunciado pela ONU.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, chegou esta sexta-feira à Moldávia, onde pretende reunir-se com a Presidente, Maia Sandu, no final da sua segunda viagem à Ucrânia desde o início da guerra.

A paragem em Chisinau não estava prevista no itinerário anunciado pelas Nações Unidas.

No sábado, o líder da ONU voará para Istambul, onde encerrará a sua viagem visitando o Centro de Coordenação Conjunta que fiscaliza o cumprimento do pacto promovido pelas Nações Unidas e pela Turquia.

Esta sexta-feira, em Odessa, António Guterres destacou os efeitos positivos que está a ter o acordo sobre os cereais ucraniano e apelou à sua prorrogação.

O secretário-geral da ONU visitou Lviv na quinta-feira, onde se encontrou com os Presidentes da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, e da Turquia, Recep Tayyip Erdogan.

Os três concordaram em continuar a coordenar a implementação da iniciativa de exportação de grãos, discutiram a situação na central nuclear ucraniana de Zaporijia e o tratamento dos prisioneiros de guerra ucranianos.

Após essa reunião, o Presidente ucraniano mostrou-se contra a possibilidade de participar em negociações de paz com Moscovo e assegurou que não é realista prosseguir com essas negociações enquanto o exército russo ocupa territórios no seu país.

Exclusivo SIC: Guterres diz que "situação em Zaporíjia é um perigo para todos nós"

Um excerto da entrevista a António Guterres, que pode ser vista na íntegra esta sexta-feira, na Edição da Noite da SIC Notícias.

Loading...
Últimas Notícias
Mais Vistos