Guerra Rússia-Ucrânia

Chefe pró-russo em Zaporijia morre em explosão no seu carro

Chefe pró-russo em Zaporijia morre em explosão no seu carro
Joel Villanueva / Getty Images
Autoridades russas acusam ucranianos.

O chefe pró-russo da administração da cidade ucraniana de Mikhailovka, na região de Zaporijia, Ivan Sushko, morreu esta quarta-feira quando um engenho explosivo explodiu no seu carro, de acordo com as autoridades russas na região.

"O dia 24 de agosto de 2022 ficará na história de Mikhailovka e de toda a região de Zaporijia como uma data trágica. Neste dia, Ivan Sushko morreu como resultado de uma explosão deliberada do seu carro pelos terroristas do Zelensky", escreveu Vladimir Rogov, membro do conselho pró-Rússia da província ucraniana, na sua conta da rede social Telegram.

De acordo com membros do conselho provincial nomeados pelo Kremlin, câmaras de vigilância capturaram o momento da explosão do carro, em que Sushko viajava com a filha adotiva, quando a levava para o infantário.

"Felizmente a menina sobreviveu e não ficou gravemente ferida", acrescentou Rogov.

O porta-voz da administração região de Zaporijia disse que Sushko era um "patriota devoto da sua terra natal e acreditava no futuro, ao lado da Rússia".

"Este jovem foi um dos primeiros a juntar-se a nós na luta contra o fascismo, contra o nacionalismo ucraniano. Infelizmente, os terroristas apanharam-no, colocando um explosivo debaixo do seu carro", disse Yevgeni Balitski, membro da administração regional nomeada pela Rússia.

"Os inimigos que hoje agem contra o povo da Ucrânia, contra os habitantes da região libertada de Zaporijia serão encontrados e punidos", prometeu Balitski.

Últimas Notícias
Mais Vistos