Guerra Rússia-Ucrânia

Escolas ucranianas constroem abrigos para regresso dos alunos

Loading...
Segundo a ONU, nos últimos seis meses, mais de 300 crianças morreram e cerca de 600 ficaram feridas na Ucrânia.

As escolas ucranianas estão a construir novos abrigos para permitir o regresso às aulas de milhões de crianças. Já no leste do país, Kiev garante que os bombardeamentos da Rússia na província de Donetsk provocaram este domingo a morte a oito civis.

Os dados foram avançados pelo governador ucraniano da província de Donetsk, Pavlo Kyrylenko, que assegura que só este domingo os ataques das forças pró-russas provocaram vários mortos.

A informação desmente a garantia de Moscovo de que não ataca alvos civis.

Ao mesmo tempo que promete que a ocupação será temporária, Kiev admite que Moscovo está a reforçar as forças armadas e prepara a mobilização de 90 mil soldados.

Do extremo oriente, chegam imagens de exercícios militares conjuntos entre Rússia, China e Mongólia.

Sem que haja qualquer sinal de tréguas, as autoridades ucranianas ordenaram a construção de mais abrigos nas escolas, já que seis milhões de crianças regressam às aulas já em setembro. De forma remota ou presencial, o arranque do ano letivo é uma prioridade para o Governo de Kiev.

Últimas Notícias
Mais Vistos