Guerra Rússia-Ucrânia

Discográfica Sony Music abandona Rússia

Empresa sai devido às "consequências humanitárias" da guerra e às sanções impostas à Rússia.

A discográfica Sony Music decidiu abandonar o mercado russo sob o peso das sanções internacionais, noticiou hoje o diário económico Nikkei, citando fontes da empresa.

A unidade russa da empresa transferiu o controlo das operações, incluindo artistas russos que produz, para uma empresa local, disse o Nikkei.

O jornal adiantou que a fonte atribuiu a saída às "consequências humanitárias" da guerra e às sanções impostas à Rússia.

O nome da entidade que herda estes direitos, o montante da transação e o impacto sobre a mão-de-obra não foram avançados, acrescentou.

Além da música, o grupo Sony tinha operações na Rússia em jogos de vídeo, cinema e eletrónica de consumo, antes do início da invasão russa da Ucrânia, em 24 de fevereiro.

Estas empresas e as operações na Ucrânia representavam 0,7% do volume de negócios do conglomerado no último ano fiscal, que terminou no Japão em 31 de março.

Depois do início da operação militar russa, as filiais da Sony suspenderam as operações na Rússia.


Últimas Notícias
Mais Vistos