Guerra Rússia-Ucrânia

Vice-ministro da Defesa da Rússia demitido

Vice-ministro da Defesa da Rússia demitido
Mikhail Svetlov

Para o cargo foi designado o general coronel Mikhail Mizintsev, conhecido por ser o “carniceiro de Mariupol”.

O vice-ministro da Defesa russo, o general do Exército Dmitri Bulgakov, responsável pelo abastecimento e munições, foi demitido do cargo, informou hoje a Defesa, em comunicado.

Para o cargo foi designado o general coronel Mijaíl Mizíntsev (ou Mikhail Mizintsev), que até agora desempenhava funções como chefe do Centro de Comando Nacional da Defesa. É conhecido por ser o “carniceiro de Mariupol”, foi quem organizou o cerco à cidade ucraniana.

"O general do Exército Dmitri Bulgakov foi libertado do seu cargo de vice-ministro de Defesa da Rússia, por ter recebido outro destino", refere-se no comunicado, sem mais detalhes.

O novo vice-ministro da Defesa, com 60 anos, comandou operações do Exército russo na Síria e dirigiu o assalto que em maio terminou com a captura da cidade de Mariupol, sueste da Ucrânia.

Esta substituição ocorre numa altura em que o Presidente russo, Vladimir Putin, convocou a “mobilização parcial” de reservistas para reforçar a ofensiva na Ucrânia.

A Rússia invadiu a Ucrânia em 24 de fevereiro.


Loading...
Últimas Notícias
Mais Vistos