Incêndios em Portugal

Apenas 29 dos 52 incendiários em Portugal foram condenados

Apenas 29 dos 52 incendiários em Portugal foram condenados
Anadolu Agency

Quase metade estão internados em instituições psiquiátricas.

Portugal tem pelo menos 52 pessoas registadas no sistema prisional por crime de incêndio florestal. Apenas 29 destes incendiários é que foram condenados.

Desse número, 23 são considerados inimputáveis e estão internados em instituições psiquiátricas.

O estudo mais recente sobre as motivações dos incendiários é de 2017 e dá conta de que em 73% dos casos, o fogo foi posto para chamar a atenção, por vingança e pelo prazer de ver o combate.

Últimas Notícias