Incêndios em Portugal

Bombeiros no incêndio da Serra da Estrela esperaram 12 horas até terem missão atribuída

Loading...
Presidente da Liga dos Bombeiros admite falhas nos incêndios da Serra da Estrela.

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses admite que houve falhas nos incêndios da Serra da Estrela. António Nunes explica que não faltaram meios, mas algumas equipas esperaram 12 horas até terem missão atribuída.

António Nunes até admite que possa ter havido falhas dos bombeiros, mas a descoordenação, que não hesita em afirmar que houve no combate ao fogo na Serra da Estrela, atribui ao controlo pela Proteção Civil e não por um comando próprio, de bombeiros para bombeiros.

A Liga dos Bombeiros Portugueses insiste na criação de um comando único. Em entrevista na SIC Notícias, o presidente António Nunes diz que seria feita uma melhor gestão dos meios.

Exige um inquérito independente aos incêndios deste verão, ao mesmo tempo que faz questão de dizer que não está em causa o trabalho da Proteção Civil nem sequer tem a ver com as pessoas chamadas para comandar.

Na terça-feira tem reunião marcada com a secretária de Estado.

Últimas Notícias
Mais Vistos