Rui Rio

Rui Rio sobre saída do PSD: “Não consigo argumentar como posso ser útil para o partido”

30.01.2022 23:42

The president of the Social Democratic Party (PSD) and leader of the biggest opposition party, Rui Rio, delivers his speech during the electoral night following the 2022 Legislative Elections, in Lisbon, Portugal, 30 January 2022. More than 10 million voters living in Portugal and abroad are on the electoral roll to choose the 230 deputies for the Portuguese Parliament after the Parliament rejected the minority socialist government’s 2022 state budget in November 2021. MÁRIO CRUZ/LUSA

O discurso de derrota de Rui Rio nas eleições legislativas.

No segundo discurso de derrota em legislativas, Rui Rio admitiu que poderá sair da liderança do PSD se se confirmar uma maioria absolta do Partido Socialista.

No arranque do discurso, o líder social-democrata disse que já tinha dado os parabéns a António Costa por telefone e congratulou-se pela campanha “excelente” levada a cabo pelos dirigentes e militantes do PSD. 

“Fizemos uma excelente campanha. Ficámos com o resultado eleitoral abaixo do que pensávamos que íamos ter”, acrescentou. 

Rui Rio sublinhou que o PSD teve mais votos que em 2019, mas que “houve um voto útil à esquerda absolutamente esmagador” fruto de uma união, que não acontece à direita. Para além disso, considera que os votos que o BE e PCP perderam acabaram por beneficiar António Costa. 

“Não atingimos, nem de longe nem de perto, os objetivos e o PS é obviamente o grande vencedor da noite”, constatou. 

Questionado sobre as condições para continuar a liderar, Rio reafirmou que a sua missão é “prestar um serviço ao PSD e a Portugal”. No entanto, a confirmar-se uma maioria absoluta do PS, não vê como pode ser “útil”. 

RESULTADOS ELEIÇÕES LEGISLATIVAS 2022

Últimas Notícias