Web Summit

Web Summit exige certificado de vacinação ou teste PCR negativo a participantes

Pedro Nunes

O evento vai decorrer na Altice Arena, em Lisboa, entre 01 e 04 de novembro.

Os participantes da Web Summit, que este ano volta ao formato presencial, vão ter de apresentar um certificado de vacinação ou um teste negativo à covid-19, anunciou hoje a organização da cimeira tecnológica.

"A Web Summit anunciou que vão ser exigidos certificados de vacinação ou um teste negativo à covid-19 para participar no primeiro evento presencial em dois anos", referiu hoje em comunicado a organização da cimeira tecnológica, assinalando que nas situações em que o certificado digital de vacinação não seja possível será exigido um teste PCR que se manterá válido por apenas 72 horas.

O evento vai decorrer na Altice Arena, em Lisboa, entre 01 e 04 de novembro, depois de a edição de 2020 ter decorrido de forma totalmente 'online'.

Antecipando que em novembro de 2021 poderá já não haver obrigatoriedade de uso de máscara em Portugal, a organização da Web Summit indica, contudo, que apoiará todos os participantes que pretendam usar máscara e promete também ir atualizando as informações sobre as medidas legais das autoridades portuguesas em relação à pandemia, nomeadamente sobre vacinação e uso de máscara.

Citado no comunicado, o presidente executivo e cofundador da Web Summit, Paddy Cosgrave, sublinha que "a saúde e segurança dos participantes" são a "prioridade número um" e que os produtores do evento têm reuniões regulares com as autoridades de saúde com o objetivo de adequar o evento às diretrizes sanitárias em vigor.

A comediante Amy Poehler, o presidente da Microsoft Brad Smith, a comissária europeia Margrethe Vestager e o jogador de futebol Gerard Pique irão juntar-se aos mais de 1.000 oradores, as cerca de 1.250 'startups', 1.500 jornalistas e mais de 700 investidores, numa cimeira na qual serão discutidos temas como tecnologia e sociedade, entre outros, de acordo com a organização.

Entre os vários oradores está o responsável pela Alexa da Amazon, Tom Taylor, o jogador de futebol espanhol e campeão mundial Iker Casillas, a portuguesa Daniela Braga, fundadora da DefinedCrowd, que foi convidada para integrar a 'task-force' da Administração de Joe Biden para a estratégia da inteligência artificial, a presidente executiva da Ofcom, Melanie Dawes, entre outros.

O primeiro-ministro, António Costa, e o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, integram a lista dos primeiros 150 oradores divulgados pela Web Summit.

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros