Mundo

Advogados de El Chapo pedem novo julgamento

© Henry Romero / Reuters

Narcotraficante foi considerado culpado de 10 crimes.

Os advogados de defesa do narcotraficante Joaquín Guzmán, mais conhecido como "El Chapo", querem um novo julgamento. Em causa está a má conduta do júri.

Ao longo de seis dias de deliberação da decisão, alguns membros do júri leram conteúdos mediáticos sobre o caso, apesar de o juiz o ter proibido. Este comportamento foi denunciado por um dos membros, em entrevista à Vice News.

Os advogados de El Chapo acreditam que a atitude do júri tornou claro que o narcotraficante não teve direito a um julgamento justo.

El Chapo foi considerado culpado de 10 crimes, que incluem tráfico de droga, branqueamento de capitais, posse de arma ilegal e participação criminal no Cartel de Sinaloa, do qual foi líder.

  • O que dizem os líderes partidários e cabeças de lista na hora de ir votar

    Europeias 2019

    O apelo ao voto é a tónica dominante em todas as declarações que pode ver e ouvir aqui.