Mundo

A 1.ª cidade dos EUA a descriminalizar cogumelos mágicos

David Zalubowski

Referendo desta 3.ª feira na cidade de Denver aprovou despenalização do consumo com a margem mínima de 50.6%.

David Zalubowski

Embora o uso ou a posse de cogumelos continue a ser tecnicamente ilegal na cidade de Denver, as restrições ao uso pessoal serão amplamente aligeiradas.

A polícia da cidade de Denver vai receber instruções para tratar os consumidores de cogumelos mágicos como a "última das prioridades".

Os agentes de Denver são assim desincentivados a "gastarem recursos a impor sansões criminais" a consumidores com 21 ou mais anos, por posse ou consumo desta droga natural.

Também conhecidos como cogumelos alucinogénios, os cogumelos mágicos contêm uma substância alucinogénia, um químico psicadélico chamado psilocibina proibido nos EUA e em grande parte do globo, classificado no mesmo grupo de drogas proibidas como o LSD ou a heroína.

Há 14 anos que Denver começou a descriminalizar drogas

O consumo de canábis foi descriminalizado em 2005, ainda antes do resto do Estado do Colorado.

O referendo desta 3.ª feira foi o primeiro do género em todo o país. A consulta popular ao consumo de cogumelos mágicos perguntava aos residentes de Denver "se os o uso e posse da droga devia ser prioridade das autoridades locais". A resposta foi não, com 50.6% dos votos.

Há vários tipos de cogumelos mágicos mas é a psilocibina que os torna proibídos nos EUA como em grande parte do mundo

Há vários tipos de cogumelos mágicos mas é a psilocibina que os torna proibídos nos EUA como em grande parte do mundo

Jerry Lampen

Uma droga perigosa ou um potencial remédio?

Oficial e legalmente os cogumelos são ilegais nos EUA, como em grande parte do mundo. A psilocibina está classificada como uma droga de categoria I pelo Governo Federal norte americano, ou seja, com um grande potencial de viciação e sem benefícios médicos, mas os promotores deste referendo contestam.

O movimento Descriminalize Denver (Descriminalizar Denver) alega que alguns cogumelos mágicos têm propriedades terapêuticas nomeadamente no tratamento de cefaleias ou enxaquecas ou até SPT, o stress pós-traumático e TOC, distúrbio obsessivo-compulsivo,

Os promotores do referendo invocam um estudo divulgado em 2016 que aponta a psilocibina presente nos cogumelos mágicos com único tratamento para a depressão considerada incurável.

A falta de provas científicas independentes e irrefutáveis alimentam a polémica.

Mesmo na cidade de Denver não há consenso. O próprio presidente da câmara foi contra a medida e a Procuradora de Denver que afirmou ao Washington Post:

"Neste momento, não acho que é uma boa ideia. Ainda estamos a descobrir a canábis e, embora o processo até esteja a correr bem, ainda estamos a apurar os impactos nos consumidores" afirmou Beth McCann.

  • Minutos salva-vidas
    20:48