Mundo

Macron também indicou ex-ministra para comissária europeia

O Presidente francês, Emmanuel Macron, com a então ministra da defesa Sylvie Goulard num espetáculo aéreo em Paris, em junho de 2017

Michel Euler

Presidência francesa acaba de confirmar a nomeação da ex-ministra da Defesa e antiga deputada europeia Sylvie Goulard para integrar a próxima Comissão Europeia, liderada por Ursula von der Leyen

Thibault Camus

Sylvie Goulard era atualmente vice-governadora do Banco de França, depois de ter deixado o Governo do primeiro-ministro Edouard Philippe em junho de 2017, devido a suspeitas de empregos fictícios por parte do seu partido, o MoDem, no Parlamento Europeu.

Apesar de não estar diretamente implicada no caso, esta escolha pode levantar algumas críticas já que a investigação sobre este caso ainda não terminou.

À semelhança da candidata portuguesa, Elisa Ferreira, Sylvie Goulard tem uma larga experiência europeia no campo dos assuntos económicos e monetários.