Mundo

Ex-ministro da Justiça do Brasil testemunha contra Jair Bolsonaro

Rita Neves

Rita Neves

Jornalista

O antigo juiz da operação Lava-jato apresentou trocas de mensagens e ficheiros áudio para comprovar as denúncias. 

Foi um longo interrogatório na sede da Polícia Federal, em Curitiba. Sergio Moro voltou a acusar o Presidente de ingerência nas investigações policiais.

Sergio Moro apresentou a demissão depois de Jair Bolsonaro ter decidido substituir o diretor-geral da Polícia Federal por um amigo pessoal. Moro diz que é uma tentativa de ter acesso priveligiado às investigações.

O interrogatório ficou ainda marcado por protestos junto ao edifício da Polícia Federal. A polícia teve de intervir para separar grupos pró-Bolsonaro e contra o presidente brasileiro.