Mundo

Crocodilo de espécie "muito agressiva" procurado no rio Douro

Jon Nazca

Autoridades espanholas estão à procura de um crocodilo do Nilo de 250 quilos no rio Douro.

O Serviço de Proteção da Natureza da Guarda Civil (Seprona), biólogos e a polícia local procuram um crocodilo do Nilo, com cerca de 250 quilos, nas margens do rio Douro, entre Simancas e Tordesilhas, em Espanha.

A operação foi desencadeada pelo avistamento do réptil por três pessoas entre esta sexta-feira e sábado, segundo avança o El País. As autoridades acreditam que o crocodilo, de uma espécie "muito agressiva", seja o animal de estimação de alguém que o soltou quando cresceu.

O agente de Simancas, que recebeu o alerta através de dois adolescentes, foi à área indicada e viu o animal à beira do rio. De imediato, pediu aos pescadores que estavam próximos para evacuar a zona.

A polícia explica que o Serviço de Proteção da Natureza da Guarda Civil espanhola esteve a analisar dois ninhos encontrados e restos de peixes deixados no local. A área, onde estão a trabalhar os biólogos, foi isolada e não é permitido que ninguém se aproxime porque o barulho pode assustar o animal.

Nas buscas estão a ser utilizados drones e pequenas armadilhas, tanto nos ninhos como na água, com o objetivo de capturar o crocodilo. As autarquias também já alertam a população e pediram para que evitassem o rio Douro até que o réptilo fosse capturado.