Mundo

Reconstrução de Beirute pode demorar um ano

Avançou o autarca da capital do Líbano.

De visita às zonas afetadas pelas explosões, o Presidente da Câmara de Beirute reconheceu que a reconstrução terá custos muito elevados e que pode levar um ano.

Duas explosões abalaram na terça-feira a capital do Líbano, Beirute, e, de acordo com o último balanço, fizeram pelo menos 100 mortes e mais de quatro mil feridos.

As emissoras locais indicam que as explosões ocorreram no porto de Beirute num armazém com cerca de 2.750 toneladas de nitrato de amónio, material usado também como componente de explosivos.

"Uma verdadeira catástrofe"

O primeiro-ministro libanês afirmou hoje que o país está a viver "uma verdadeira catástrofe" e voltou a pedir a ajuda de todos os países e amigos do Líbano após as explosões de terça-feira em Beirute.