Mundo

Rússia. Hospital alemão confirma envenenamento de Navalny

Marta Sobral

Marta Sobral

Jornalista

Exames indicaram intoxicação através de substância que pode estar associada, por exemplo, a inseticidas.

O hospital em Berlim onde está a ser tratado Alexei Navalny diz que os exames indicaram uma intoxicação através de uma substância que pode estar associada, por exemplo, a inseticidas.

O hospital adianta que o estado de saúde do líder da oposição a Vladimir Putin é sério, mas que não corre risco de vida.

A União Europeia (UE) já pediu uma investigação à Russia sobre o envenenamento. O chefe da diplomacia da UE diz que se trata de uma agressão à vida e que os autores devem ser responsabilizados. Pede ainda que o caso seja tratado de forma independente e transparente.

Também Angela Merkel pediu à Russia para julgar os alegados responsáveis.

Navalny é o principal opositor de Putin. Tem 44 anos e é conhecido pelas investigações anticorrupção a membros da elite russa.