Mundo

Trio de viajantes no espaço regressa à Terra em segurança

Astronauta Chris Cassidy

ROSCOSMOS / HANDOUT

Um astronauta norte-americano e dois cosmonautas russos estiveram seis meses na Estação Espacial Internacional.

Um astronauta norte-americano e dois cosmonautas russos da Estação Espacial Internacional (EEI) regressaram hoje à Terra, no Cazaquistão, após uma missão de 196 dias no espaço, anunciou a agência espacial russa Roskosmos.

A nave Soyuz MS-16, com o norte-americano Chris Cassidy (NASA) e os russos Anatoli Ivanichine e Ivan Vagner (Roskosmos) a bordo, aterrou a cerca de 150 quilómetros a sudeste da cidade cazaque de Zhezkazgan, às 02:54 TMG (03:54 em Lisboa), de acordo com as imagens difundidas pela agência espacial russa.

Os cosmonautas Anatoly Ivanishin (esq.) e Ivan Vagner

Os cosmonautas Anatoly Ivanishin (esq.) e Ivan Vagner

ROSCOSMOS / HANDOUT

Os três tripulantes permaneceram seis meses na EEI, onde ficaram os cosmonautas russos Serguei Rizhikov e Serguei Kud-Sverchkov, bem como a astronauta norte-americana Kathleen Rubins, que dão assim início à 64.ª missão a bordo da plataforma orbital.

Na terça-feira, Cassidy entregou o comando da EEI a Rizhikov.

Os tripulantes da Soyuz MS-16 realizaram 3.136 órbitas à Terra, de acordo com a agência espacial norte-americana NASA.

Durante a missão na EEI, os três assistiram à chegada, em finais de maio, de Bob Benhken e Doug Hurley, a bordo da cápsula Cres Dragon da empresa de transporte aeroespacial SpaceX, do empresário Elon Musk.

Benhken e Hurley foram os primeiros astronautas da NASA a serem enviados para a EEI, a partir dos Estados Unidos e a bordo de uma nave e foguetão de fabrico norte-americano desde o fim do programa do vaivém espacial, em 08 de julho de 2011.

Os atuais três tripulantes na EEI, Rizhikov, Kud-Sverchkov e Rubins, vão assistir à chegada, prevista para 01 de novembro, da missão Crew-1 da SpaceX, que transportará os astronautas da NASA Mike Hopkins, Victor Glover, Shannon Walker, e o japonês Soichi Noguchi

A transferência de comando da Estação Espacial da tripulação de Chris Cassidy (esq.) Anatoly Ivanishin (2º esq.) e Ivan Vagner (3º esq,) para a Expedição 64, os cosmoanautas Sergey Ryzhikov (dir,) e Sergey Kud-Sverchkov (2º dir.) e astronauta Kathleen Rubins

A transferência de comando da Estação Espacial da tripulação de Chris Cassidy (esq.) Anatoly Ivanishin (2º esq.) e Ivan Vagner (3º esq,) para a Expedição 64, os cosmoanautas Sergey Ryzhikov (dir,) e Sergey Kud-Sverchkov (2º dir.) e astronauta Kathleen Rubins

ROSCOSMOS / HANDOUT