Mundo

Donald Trump quer criar um canal de televisão para "destruir" Fox News

Steve Helber

O Presidente ds EUA em exercício intensificou as suas críticas à Fox News nos últimos dias.

O Presidente em exercício dos EUA, Donald Trump, quer criar o seu próprio canal de televisão na Internet, quando deixar a Casa Branca, para roubar audiências àquela que foi a sua cadeia televisiva favorita, Fox News.

Trump começou a criticar a Fox News, há alguns meses, considerando que a estação não tem sido favorável na apreciação da sua política na Casa Branca e não escondeu a irritação de ver o canal a anunciar a eleição do democrata Joe Biden, quando o Presidente ainda clamava por recontagem de votos.

De acordo com fontes citadas pelo jornal digital Axios, Trump quer agora "destruir a Fox", lançando um projeto de comunicação televisiva na Internet.

"Ele quer destruir a Fox. Não tenho dúvidas disso", disse uma fonte próxima do Presidente, citada pelo Axios.

A tendência crescente da Fox News de rejeitar as alegações de "fraude eleitoral" feitas pelo Presidente, por as considerar falsas, irritou ainda mais Trump e alguns dos seus seguidores começaram a deixar de referir o canal, por ele não replicar os argumentos dos republicanos.

A vontade de Trump de criar o seu próprio canal de televisão tem sido comentada desde a sua campanha presidencial de 2016, mas, de acordo com o jornal Axios, o Presidente em exercício não está a ponderar num projeto de TV por cabo, considerando que seria caro e complicado de montar.

O que Trump pretende é criar um canal digital, que seja transmitido pela Internet, cobrando uma taxa mensal aos seus assinantes, para competir com o serviço de emissão por streaming na Internet Fox Nation.

Apesar de ter perdido as eleições, Trump aumentou muito a sua base de eleitores em comparação com 2016, e a sua campanha de reeleição ficou com uma base de dados que pode vir a ser um importante trunfo no lançamento desse canal.

O Presidente em exercício intensificou as suas críticas à Fox News nos últimos dias, e, hoje, usou a sua conta pessoal na rede social Twitter para escrever que as audiências desse canal "caíram por completo".

"É muito triste ver como isso aconteceu, mas eles esqueceram-se do que os tornou bem-sucedidos, o que os levou onde estão. Eles esqueceram-se da galinha dos ovos de ouro", escreveu Trump, numa aparente referência a si mesmo.

As críticas de Trump já começaram a fazer efeito, e um outro canal por cabo, o Newsmax TV, aumentou a sua audiência desde a eleição presidencial de 03 de novembro, aparentemente por repetir as denúncias sem evidências de fraude eleitoral por parte do Presidente, segundo uma análise do canal televisivo CNN.

Jornalista da Fox News critica conselheiros políticos de Trump por gastarem todos os fundos da campanha presidencial