Mundo

"Não quero saber se estás com fome, não sou a tua comida": o confronto entre um homem e um urso 

Norte-americano gravou um vídeo do momento em que foi confrontado por um urso enquanto corria.

Evan Matthews

O confronto entre um homem e um urso está a dar que falar nas redes sociais. O vídeo do momento, que se tornou viral, mostra os "nervos de aço" do norte-americano ao falar para o animal para o tentar afastar.

Evan Matthews estava a correr no Parque Nacional Grand Teton, no estado norte-americano do Wyoming, quando percebeu que tinha companhia.

"Este estava interessado em mim, por isso tive de o ajudar a mudar de ideias", diz o norte-americano no vídeo de três minutos, que pode ver aqui.

As imagens mostram o urso a aproximar-se do homem, que estava munido com uma lata de spray para afugentar o animal.

"Já vi muitos ursos selvagens, mas esta foi a primeira vez que um mostrou interesse em mim", explica no vídeo. "Deve estar esfomeado."

Apesar do perigo, Evan Matthews decidiu guardar a "arma" que tinha e optou por falar com o animal para o tentar "chamar à razão". "Hey, não! Não quero saber se estás com fome. Eu não sou a tua comida", diz para o animal, que se continua a aproximar. "Claro, podemos dar um passeio, se quiseres. Mas tu não te queres aproximar".

A tática do norte-americano parece não dar resultados ao início, com o urso a continuar a perseguição durante cerca de 800 metros. No entanto, o animal acaba por perder interesse e volta à floresta.

"Isto foi emocionante", é possível ouvir no vídeo, no qual explica que queria mostrar ao urso que era humano e não "outro animal". O norte-americano revela ainda que não quis correr, nem fingir-se de morto, porque não se queria tornar num "alvo fácil".

De acordo com o New York Post, especialistas em animais concordam que os métodos explicados acima são das melhores formas de evitar um ataque vindo de um urso.