Mundo

Astronautas chineses fazem primeiro passeio espacial fora da nova estação

CCTV

Para instalar equipamentos na nova estação espacial Tiangong.

Dois astronautas chineses fizeram a primeira 'caminhada' espacial fora do módulo já construído, Tianhe, da nova estação orbital da China, Tiangong, anunciou hoje a agência espacial chinesa.

A televisão estatal chinesa, CCTV, difundiu imagens dos astronautas no exterior da nova estação orbital, a instalar câmaras e outros equipamentos, usando um braço robótico de 15 metros de comprimento.

As imagens, captadas no domingo, mostram os astronautas Liu Boming e Tang Hongbo a sair da câmara de descompressão, enquanto a Terra passa por debaixo deles.

De acordo com a agência espacial chinesa, Liu e Tang passaram quase sete horas fora da estação.

O terceiro membro da tripulação, o comandante Nie Haisheng, permaneceu no interior da nova estação orbital, durante as manobras.

Os astronautas Liu, Nie e Tang chegaram a 17 de junho para uma missão de três meses a bordo de uma cápsula Shenzhou.

CSS EM INGLÊS, TIANGONG EM CHINÊS, PALÁCIO CELESTIAL EM PORTUGUÊS

Nomeada em inglês CSS - Chinese Space Station ou Estação Espacial Chinesa -, e em Chinês Tiangong - Palácio Celestial -, quando estiver concluída terá um tamanho semelhante ao da antiga estação soviética Mir (1986-2001). A vida útil é estimada em pelo menos 10 anos.

A Tiangong - Palácio Celestial - ainda está em construção, tendo o módulo principal - Tianhe (Harmonia Celestial) - sido lançado a 29 de abril e está agora na órbita terrestre a 350-390 km de altitude.

AS AMBIÇÕES ESPACIAIS DA CHINA

A estação é parte de um ambicioso programa espacial, que incluiu recentemente a aterragem de um robot automóvel em Marte, em maio.

A missão surge no momento em que o Partido Comunista celebra o 100º aniversário da sua fundação.

A agência espacial da China planeia um total de 11 lançamentos até o final do próximo ano para adicionar mais dois módulos à estação de 70 toneladas.