Mundo

Mulheres iranianas podem voltar a ver futebol local em estádios

Mulheres iranianas podem voltar a ver futebol local em estádios
Guido Dingemans, De Eindredactie
Esta permissão surge pela primeira vez em mais de 40 anos.

Mais de 40 anos depois, as mulheres iranianas vão poder voltar a ver futebol nacional nos estádios locais, informou esta quarta-feira o Ministério do Desporto do Irão.

Cerca de 30% dos 28 mil bilhetes para o jogo entre Esteghlal, treinado pelo português Ricardo Sá Pinto, e Mes Kerman, vão ser disponibilizados para o público feminino, num teste a esta abertura. Se a avaliação for positiva, a medida será alargada, posteriormente, a todo o país.

Em 2019, e face à pressão da FIFA, já foi autorizado público feminino nos jogos internacionais da seleção, o que aconteceu pela primeira vez desde a Revolução Islâmica de 1979.

Em causa o apuramento para o Mundial2022 do Qatar em que cerca de quatro mil mulheres puderam assistir ao desafio com o Cambodja, numa zona isolada do resto do público, entre o corpo de polícia e pessoal médico.

Essa permissão sucedeu depois de um caso mediático internacionalmente, quando Sahar Khodayar, de 29 anos, morreu depois de se ter imolado à porta de um tribunal em Teerão, revoltada pelo facto de poder ir para a prisão por ter tentado entrar num estádio de futebol disfarçada de homem.

Últimas Notícias
Mais Vistos