Mundo

Lançamento de novo foguetão lunar adiado para sábado após falha técnica

Lançamento de novo foguetão lunar adiado para sábado após falha técnica
Joe Skipper
Uma “má ligação” fez com que um dos motores do módulo central do foguetão não atingisse a temperatura adequada para a descolagem.

A agência espacial norte-americana (NASA) anunciou na terça-feira que vai tentar lançar o novo foguetão lunar SLS no sábado, após uma primeira tentativa fracassada na segunda-feira devido a um problema técnico.

Loading...

"Concordamos em mudar a nossa data de lançamento para sábado, 3 de setembro", disse o diretor da missão, Mike Sarafin, que deve marcar o início da missão do programa norte-americano de regresso à lua.

Uma autoridade meteorológica disse estar "otimista" sobre o clima no sábado, embora a probabilidade de condições desfavoráveis "seja alta".

Na segunda-feira, a NASA havia admitido lançar o SLS na sexta-feira caso conseguisse resolver até quinta-feira, na plataforma de lançamento, os problemas técnicos que levaram naquele dia ao seu cancelamento.

Mike Sarafin disse em conferência de imprensa que seria possível o lançamento na sexta-feira - segunda data que tinha sido admitida anteriormente pela NASA caso a descolagem fosse abortada - desde que os problemas técnicos se resolvessem na plataforma de lançamento nas próximas 48 a 72 horas.

Justificando o cancelamento do voo de teste do SLS, sem tripulação e que tem acoplada no topo a nave Orion, que há de orbitar a Lua, a NASA referiu, em comunicado, que um dos quatro motores do módulo central do engenho não atingiu a temperatura adequada para a descolagem.

Esse problema foi provocado por uma "má ligação" num elemento da nave, que já foi "consertada", disse John Honeycutt, encarregado do programa de foguetes da NASA. A equipa técnica iria reunir-se terça-feira para analisar os dados, perceber o que falhou e fazer correções.

A concretizar-se, o lançamento do SLS, sucessivamente adiado ao longo dos anos, marca o início do programa lunar Artemis, com que os Estados Unidos pretendem regressar à superfície da Lua em 2025, um ano depois do previsto, colocando no solo a primeira astronauta mulher e o primeiro astronauta negro.

Antes disso, a NASA quer levar astronautas novamente para a órbita lunar em 2024. O SLS é o foguetão mais potente da NASA desde o Saturno V, que levou astronautas norte-americanos à Lua, entre 1969 e 1972.

Últimas Notícias
Mais Vistos