Mundo

Telescópio James Webb fotografa o "coração" da Galáxia Fantasma

Telescópio James Webb fotografa o "coração" da Galáxia Fantasma
NASA
A imagem mostra nitidamente os "braços" da espiral de gás e poeira.

O telescópio espacial James Webb captou em fotografia o “coração” da galáxia M74 – também conhecida como Galáxia Fantasma. A imagem mostra nitidamente os filamentos de gás e poeiras que compõem a galáxia espiral.

A imagem foi captada pelo Mid-InfraRed Instrument, um dos telescópios que integram o telescópio espacial James Webb. As observações à M74 integram um projeto que tem como objetivo mapear 19 galáxias que formaram estrelas e perceber a origem destes astros.

A Galáxia Fantasma faz parte de uma classe de galáxias espiral conhecida como “espiral de grande design”, que é caracterizada por braços espirais proeminentes e bem definidos. O facto de não existir gás na parte central da galáxia permite uma visão completamente desobstruída do aglomerado de estrelas nucleares que existem no centro.

Esta galáxia está localizada a cerca de 32 milhões de anos-luz de distância da Terra. A composição em espiral, torna a Galáxia Fantasma muito apreciada pelos astrónomos que estudam a origem e a estrutura espiral galáctica.

A M74 já tinha sido alvo de observações anteriores por parte do telescópio Hubble. As imagens captadas em cumprimentos de onda ultravioleta e visível relevaram áreas brilhantes de formações de estrelas conhecidas como regiões HII.

Os investigadores vão combinar agora as imagens captadas pelo telescópio Hubble com os captados pelo James Webb e ainda imagens obtidas através de radiotelescópios terrestres. Desta forma, é possível obter mais informações sobre esta galáxia e outros objetos astronómicos.

Últimas Notícias
Mais Vistos