Mundo

Donald Trump pode anunciar candidatura à Casa Branca

DIRETO

Donald Trump pode anunciar candidatura à Casa Branca
Jacqueline Larma

As eleições intercalares norte-americanas decorrem esta terça-feira.

O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pode anunciar esta segunda-feira a candidatura à Casa Branca nas presidenciais de 2024, segundo os mais recentes rumores divulgados por órgãos de comunicação social, que ganharam ênfase nas últimas horas. Na semana passada, o dia 14 de novembro era apontado como a data provável para o anúncio de Donald Trump.

No entanto, a CNN começou a avançar que o republicado pode anunciar a sua terceira candidatura à Casa Branca no comício que realiza esta segunda-feira em Ohio. Fontes do Partido Republicano adiantaram à agência Efe que essa hipótese é "mais do que um boato", embora tenha pedido cautela.

Um dos seus aliados, o congressista republicano Matt Gaetz, representante da Florida, alimentou essa hipótese durante o dia, salientando através da rede social Twitter que Trump deve avançar porque "merece todo o crédito" pela esperada vitória dos conservadores nas intercalares desta terça-feira.

A média ponderada das sondagens realizadas pelo site FiveThirtyEight indica que os republicanos têm 55% de hipóteses de conquistar o poder no Senado e 84% de reconquistar a Câmara dos Representantes.

"Trump devia anunciar [a recandidatura] hoje à noite. Os seus candidatos venceram as primárias. (...) Vamos ganhar MUITO", sublinhou Gaetz no Twitter.

No entanto, segundo o jornal Politico, muitos republicanos pediram ao ex-presidente que esperasse pelas eleições, nas quais toda a Câmara dos Representantes e um terço do Senado serão renovados, assim como os governadores de 36 estados e três territórios.

"Para que o nosso país seja bem-sucedido, seguro e glorioso, muito, muito, muito provavelmente farei isso de novo", salientou o magnata republicano num comício em 4 de novembro em apoio ao senador Chuck Grassley.

Nesse comício, Trump voltou a insistir nas afirmações sem provas de que em 2020, o ano em que o democrata Joe Biden conquistou a Casa Branca, foi o verdadeiro vencedor.

Três dias depois, numa outra ação de campanha na Florida, em apoio ao senador Marco Rubio, voltou a deixar sinais de que pretende concorrer ao cargo em 2024, sem especificar a possível data.

"Fiquem atentos", referiu, simplesmente.

A porta-voz da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, evitou comentar esta segunda-feira este possível anúncio. "Não é da nossa conta. O que o ex-* residente faz ou deixa de fazer não é algo em que estamos focados aqui", realçou, em conferência de imprensa.

Últimas Notícias