Mundo

Jovens portugueses detidos em Maiorca após confrontos violentos entre 50 pessoas

Loading...

Uma rua de diversão noturna foi palco de desacatos entre 50 pessoas de várias nacionalidades, entre elas um grupo de portugueses que foram detidos no hotel onde estavam alojados.

Um grupo de jovens portugueses foi detido em Espanha por ter participado em violentos confrontos, em Palma de Maiorca, na última madrugada. Pelo menos onze pessoas ficaram feridas nos desacatos, uma delas em estado grave.

Foram pelo menos 10 minutos de uma autêntica “batalha campal” que envolveu mais de 50 pessoas de várias nacionalidades numa rua de diversão noturna, em Magaluf, localidade turística situada na ilha de Maiorca, em Espanha.

O vídeo amador que circula nas redes sociais mostra a violência dos desacatos da madrugada desta segunda-feira, onde ficaram feridas pelo menos 11 pessoas, uma em estado grave.

Em comunicado, a Guarda civil espanhola diz que foram detidas 10 pessoas, algumas no local durante a intervenção da polícia.

Mais tarde, depois de visionadas as imagens das câmaras de videovigilância, foi ainda identificado um grupo de jovens de nacionalidade portuguesa suspeito de ter sido o principal responsável pelo início do conflito.

O grupo que acabou por ser localizado e detido no hotel onde estava alojado. Ainda assim, até ao momento, desconhecem-se os motivos destes confrontos.