Opinião

"O objetivo da resolução falhou em toda a linha"

"O objetivo da resolução falhou em toda a linha"

Miguel Sousa Tavares analisa, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite de segunda-feira, a venda do Novo Banco.