País

CDS condena sexismo e preconceito de Dijsselbloem

CDS condena sexismo e preconceito de Dijsselbloem

Os centristas querem a demissão de Dijsselbloem. O CDS considera que as declarações do presidente do Eurogrupo são sexistas e preconceituosas e vai levar ao plenário um voto de condenação às palavras do holandês.