País

Marcelo Rebelo de Sousa internado para operação a uma hérnia

PAULO NOVAIS/LUSA

O Presidente da República foi internado hoje no Hospital Curry Cabral em Lisboa, onde está a ser operado a uma hérnia umbilical. Marcelo Rebelo de Sousa cancelou toda a agenda para os próximos dias.

Última atualização às 14:52

Numa nota publicada no site da Presidência, é adiantado que "esta operação estava há muito prevista para o início de janeiro, mas os médicos assistentes decidiram antecipá-la, por ter encarcerado".

De acordo com o comunicado, Marcelo Rebelo de Sousa "cancelou toda a agenda de hoje, bem como a dos próximos dias, incluindo as deslocações previstas para 31 de dezembro e 1 de janeiro", às regiões afetadas pelos incêndios de outubro.

Ainda hoje, será emitido um boletim clínico.

Na agenda de hoje, o Presidente tinha prevista uma ronda de audiências com representantes dos juízes e dos magistrados do Ministério Público para discutir o pacto de justiça e os estatutos destas duas classes e uma cerimónia de entrega de insígnias a Carlos Ramos, que salvou várias pessoas no acidente ferroviário de Alcafache, em 1985.

Em 31 de dezembro, Marcelo Rebelo de Sousa tinha planeado visitar os concelhos de Oliveira do Hospital, distrito de Coimbra, e no dia seguinte iria a Arganil, também no distrito de Coimbra, Santa Comba Dão e Vouzela, ambos no distrito de Viseu, de onde iria fazer, em direto, a mensagem de Ano Novo.

Marcelo Rebelo de Sousa passou o dia de Natal em Pedrógão Grande, Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pêra, concelhos afetados pelos incêndios de junho.

Com Lusa

  • A saga do prédio Coutinho
    6:43
  • Descobrir as rotas do Alentejo
    14:59
  • Cepas da Serra
    10:16