País

Luís Grilo terá sido assassinado na própria cama

Exclusivo SIC

Luís Grilo terá sido assassinado na própria cama

Cerca de dois meses depois da detenção de Rosa Grilo, a Polícia Judiciária continua no terreno a recolher provas do homicídio. Esta quinta-feira, os inspetores da PJ regressaram à casa da família Grilo, na localidade de Cachoeiras, concelho de Vila Franca de Xira, com a atenção centrada na garagem. Durante o tempo que lá estiveram recolheram indícios que alegadamente provam que o triatleta foi assassinado com um tiro, naquela que foi durante anos a sua cama.

  • Ameaças e diamantes: Rosa Grilo conta nova versão do homicídio do marido
    10:05

    País

    Quase um mês depois de ter sido detida por suspeitas de ter participado na morte do marido, Rosa Grilo contou à SIC uma nova versão dos acontecimentos que levaram à morte de Luís Grilo. A mulher do triatleta assume agora que sempre soube que o marido estava morto. Mas simulou o desaparecimento porque diz que estava a ser ameaçada. Mais de três meses depois do crime, ainda há perguntas por responder.

  • Advogado de suspeito da morte de Luís Grilo quer alterar medidas de coação
    0:56

    País

    António Joaquim, o alegado amante de Rosa Grilo e um dos suspeitos da morte de Luís Miguel Grilo, pediu para ser ouvido pelo Ministério Público. O advogado do arguido garante que António Joaquim acrescentou pormenores importantes e pretende alterar as medidas de coação para prisão domiciliária com pulseira eletrónica ou apresentações periódicas às autoridades.

  • “Entregues à Sorte” – Primeiro episódio
    30:41