País

Líder de sindicato dos enfermeiros exige ser recebido por Marcelo Rebelo de Sousa

Líder de sindicato dos enfermeiros exige ser recebido por Marcelo Rebelo de Sousa

Carlos Ramalho não quis ser recebido pelos assessores da Presidência e diz que protesto só termina quando negociações forem retomadas.

O presidente do Sindicato Democrático dos Enfermeiros de Portugal está em greve à porta da residência oficial do Presidente da República. Carlos Ramalho pede a intervenção de Marcelo Rebelo de Sousa e diz que só vai parar quando as negociações entre Governo e sindicatos forem retomadas.

  • “Falso testemunho”: o quarto episódio do “Vidas Suspensas”
    29:04