País

Bebé sem rosto já teve alta do hospital

Hospital de São Bernardo autorizou que bebé fosse para casa na sexta-feira.

O bebé que nasceu sem parte do rosto já teve alta do hospital de São Bernardo, em Setúbal.

O pedido dos pais para que pudesse ir para casa foi aceite pelos médicos ao final da tarde de sexta-feira, de acordo com o Correio da Manhã.

Os pais afirmam que o bebé já não precisa de equipamento hospitalar, mas vai continuar a ser acompanhado por uma equipa de cuidados paliativos.

Bastonário da Ordem dos Médicos pede desculpa

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, pediu desculpas aos portugueses pelo caso do bebé sem parte do rosto.

O bebé em causa nasceu dia 7 de outubro no Hospital de São Bernardo sem olhos, nariz e parte do crânio, depois de a mãe ter realizado ecografias com um obstetra numa clínica privada em Setúbal com o médico Artur Carvalho.

As complicações só foram detetadas depois do parto e os pais apresentaram queixa ao Ministério Publico contra o médico.

O mesmo médico já tinha estado envolvido num processo idêntico, em que nasceu um bebé com malformações graves. Na altura, o Ministério Público decidiu investigar, mas o caso acabou arquivado.

O caso do bebé que nasceu sem parte do rosto