País

Ministra e administração do Garcia de Orta vão ao Parlamento explicar encerramento de urgência

A comissão parlamentar de Saúde aprovou hoje por unanimidade os requerimentos do PSD, Bloco de Esquerda e PCP para ouvir a ministra da Saúde e a administração do Garcia de Orta sobre a situação da urgência pediátrica.

A ministra da Saúde e a administração do Hospital Garcia de Orta, em Almada, vão ao Parlamento prestar esclarecimentos sobre o encerramento da urgência pediátrica no período noturno.

O PSD quer ainda ouvir o conselho de administração do Hospital Santa Maria, em Lisboa, sobre a situação da urgência, depois de vários médicos terem relatado dificuldades de funcionamento por insuficiência de profissionais.

Ainda sobre o Garcia de Orta, o PCP pediu também a audição do Sindicato dos Médicos da Zona Sul, também aprovada.

Uma vez que foram apresentados vários requerimentos para ouvir a ministra da Saúde sobre diferentes assuntos, incluindo o do caso do bebé que nasceu com malformações graves em Setúbal, os deputados da comissão parlamentar da Saúde decidiram que vão marcar uma audição com Marta Temido para esclarecimentos conjuntos sobre os vários temas.

Aliás, face aos problemas do Garcia de Orta e do Santa Maria, o requerimento do Bloco era mais genérico, pedindo esclarecimentos à ministra sobre "encerramento de serviços, falta de profissionais em instituições do SNS e medidas necessárias para combater estas situações".

Lusa

  • Ministra reitera que grandes obras nos centros de saúde estão garantidas
    2:13