País

Forças de segurança ameaçam realizar nova manifestação a 21 de janeiro

Rafael Marchante

Exigem que o Governo atenda às suas reivindicações.

As associações de profissionais da PSP e da GNR que se concentraram junto ao parlamento esta quinta-feira anunciaram para 21 de janeiro um novo protesto, caso o Governo não atenda às suas reivindicações.

O anúncio foi feito por megafone, em frente à Assembleia da República, onde mais de três mil polícias, militares da GNR e apoiantes se manifestaram para reivindicar direitos salariais e sociais que exigem ao Governo desde a anterior legislatura.

Manifestação sob fortes medidas de segurança

Um forte aparato policial cercou a manifestação, que foi pacífica desde o início de um desfile, às 13:00, no Marquês de Pombal, em Lisboa, até à Assembleia da República. Após esta declaração, os milhares de manifestantes efetuaram um minuto de silêncio por volta das 16:45, depois de terem cantado o hino nacional.

Com Lusa

  • Ministra reitera que grandes obras nos centros de saúde estão garantidas
    2:13