País

Suspeitos da morte de cabo-verdiano indiciados por homicídio qualificado

Suspeitos da morte de cabo-verdiano indiciados por homicídio qualificado

Os suspeitos têm entre 22 e 35 anos, e não têm antecedentes criminais.

Os cinco suspeitos da morte do estudante cabo-verdiano em Bragança vão ficar em prisão preventiva. Estão indiciados pelos crimes de homicídio qualificado e tentativa de homicídio.

As autoridades falam em crime por "motivos fúteis" e afastam a motivação por ódio racial.

O jovem morreu no hospital a 31 de dezembro, dez dias depois de ser agredido.