País

Criança de 2 anos ficou esquecida todo o dia em carrinha de transporte escolar

Criança de 2 anos ficou esquecida todo o dia em carrinha de transporte escolar

Paulo Fajardo

Paulo Fajardo

Repórter de Imagem

Carrinha onde a criança ficou presa pelo cinto de segurança, sentada na cadeira de transporte esteve sempre estacionada à porta da creche.

Na segunda-feira uma criança de dois anos ficou esquecida na carrinha da creche que frequentava durante todo o dia. Os responsáveis do Centro Paroquial de Assistência do Juncal, no concelho de Porto de Mós, distrito de Leiria, só à noite contaram aos pais o que tinha acontecido.

Sofia de dois anos costumava viajar na carrinha de transporte escolar com a irmã e o irmão mais velho. Ela para a creche, os outros para a escola primária, transporte assegurado pela instituição na ida e no regresso. Na passada segunda-feira a menina chegou a casa perto das 18 horas. Mas nada foi dito aos familiares.

Ninguém estranhou nada nem mesmo a mãe que quando chegou um pouco mais tarde falou com a menina que lhe disse que “tinha ficado de castigo”

Só à noite quando recebeu a visita de responsáveis da instituição ficou a saber o que tinha acontecido.

Sofia ficou cerca de oito horas fechada na carrinha, presa pelo cinto de segurança, na cadeira de transporte, mesmo ao lado da creche, sem que alguém desse pela sua falta.

A menina não voltou à instituição e a mãe cancelou também o transporte dos irmãos para a escola primária.

Esta sexta-feira à tarde os responsáveis da instituição não se mostraram disponíveis para falar.

A família critica a forma como a instituição tratou todo o caso tendo, entretanto, já apresentado uma queixa na GNR de Porto de Mós.