País

Utentes queixam-se do atendimento telefónico nos Centros de Saúde

Centros de Saúde não atendem o telefone e demoram a responder aos e-mails.

Marcar uma consulta médica ou pedir renovação de uma receita nos Centros de Saúde tem sido cada vez mais difícil para os utentes. A Entidade Reguladora da Saúde recebeu desde o início do ano mais de 1.200 queixas de constrangimentos no atendimento telefónico.

Um problema transversal a todas as cinco administrações regionais de saúde do país.

Desde o confinamento em março e das orientações da Direção Geral da Saúde para que os doentes não se desloquem aos Centros de Saúde sem marcação prévia, houve uma total reorganização da forma como os médicos atendem os utentes.

Cada médico de família tem em média a cargo 1.800 utentes, divide o tempo em contexto de pandemia com testagem, acompanhamento de doentes com covid-19 e já começaram a chegar as marcações para a vacina da gripe.

Veja também: