País

Paulo Baldaia considera que Costa não escolheu o melhor momento para anunciar medidas de apoio às famílias

Paulo Baldaia

Paulo Baldaia

Comentador SIC Notícias

O comentador da SIC faz a análise ao discurso de encerramento do congresso do PS.

Paulo Baldaia considera que António Costa não escolheu o melhor momento para anunciar as medidas de apoio às famílias.

Ainda assim, o comentador da SIC entende que é normal os partidos no poder utilizarem os congressos com esse fim.

António Costa encerrou o congresso do PS, este domingo, com promessas de reforço de apoios, num discurso muito virado para a agenda da esquerda e os desafios dos próximos dois anos.

O líder socialista e primeiro-ministro anunciou mais lugares nas creches e o alargamento de abonos para as famílias.

"Iremos alargar as medidas de combate à pobreza ao longo dos próximos dois anos a todas as crianças, independentemente da sua idade. Por isso, as crianças que têm entre três e seis anos - e que atualmente, se estiverem na condição de pobreza extrema recebem 50 euros, ou 41 euros em situação de pobreza -, nos próximos dois anos, os apoios chegarão a 100 euros", especificou o primeiro-ministro.

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros