País

PJ detém três homens suspeitos de crimes de homicídio, roubo, coação e ameaça cometidos em Faro

Canva

Detidos serão esta quarta-feira presentes a primeiro interrogatório judicial.

A Polícia Judiciária (PJ) deteve três homens por suspeitas dos crimes de homicídio, ofensas à integridade física, roubo, coação e ameaça, cometidos em Lisboa e Faro entre setembro de 2019 e janeiro de 2020.

Em comunicado, a PJ explica que os três homens, de 31, 32 e 36 anos, estrangeiros, dedicavam-se a atividades de natureza comercial e mantinham, em paralelo, diversas atividades ilícitas relacionadas com o controlo de atividades, quase sempre de natureza comercial, desenvolvidas por outros indivíduos seus conterrâneos.

"O 'modus operandi' passava por inibir, muitas vezes com recurso à violência física, a liberdade individual das vítimas e a prossecução das respetivas atividades comerciais", acrescenta a PJ.

Na sequência das diligências de investigação, foram feitas três buscas domiciliárias, das quais resultaram diversas apreensões de instrumentos utilizados pelos agressores.

Os detidos serão hoje presentes a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, para lhes serem aplicadas as medidas de coação adequadas.

O inquérito é titulado pelo departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa.

  • A escola como uma gigantesca perda de tempo

    País

    Pode ser Eva. Fez um teste de Geografia e foi a única da turma a ter negativa. Dos seus olhos formosos e inexpressivos, num rosto negro como o touro do Herberto Helder, ruíram-lhe duas lágrimas. Mas daquelas que represam tanta água - tanta mágoa - que deixam cicatrizes aquosas. 43%.

    Opinião

    Rui Correia