País

Nem todos os doentes que recorrem à urgência de Viseu são casos urgentes

Frederico Pinto

Frederico Pinto

Repórter de Imagem

30% dos adultos são pulseira azul ou verde. Em pediatria, percentagem é de 50%.

O Hospital de Viseu tem sentido nas últimas semanas o aumento da pressão no serviço de urgência, mas a direção clínica fala de um elevado número de casos de doentes triados com pulseira verde e azul.

Os profissionais de saúde fazem o apelo a que antes de recorrer a um serviço de urgência procurem outros cuidados de saúde.

Saiba mais: