País

Site do Parlamento indisponível após ataque informático

Site do Parlamento indisponível após ataque informático

Polícia Judiciária está a investigar caso.

O site do Parlamento está esta segunda-feira indisponível, após os hackers do Lapsu$ Group terem anunciado no domingo que invadiram a rede informática da Assembleia da República.  

O acesso ao site foi suspenso a partir do exterior “para verificar se existiu, de facto, algum acesso indevido”, de acordo com o ECO.  

Em declarações jornal económico digital, fonte oficial do Parlamento adiantou que não havia “até ao momento, evidência de que o site – que nunca deixou de estar acessível ao longo do dia de ontem – tenha sido alvo de ataque informático”. 

“Apesar disso, alertados pelas autoridades para a existência de uma reivindicação de ataque, a Assembleia da República desencadeou todos os procedimentos necessários para verificar se existiu, de facto, algum acesso indevido, razão pela qual suspendeu, hoje, o acesso ao mesmo a partir do exterior, restabelecendo-a mal acabe a verificação já referida.” 

No domingo, os hackers do Lapsu$ Group, que no início do mês atacaram os sites do Grupo Impresa, garantiram ter invadido o site do Parlamento e acedido a uma base de dados com informações pessoais de políticos e de partidos, documentos, e-mails e passwords. 

A Polícia Judiciária está a investigar se realmente existiu uma invasão ao sistema informático do Parlamento. Caso se confirme, o próximo passo será perceber a que documentos e informação acederam os piratas informáticos. 

Saiba mais:

Últimas Notícias
Mais Vistos