País

Chega perde vice-presidente após decisão de André Ventura

Facebook Página Gabriel Mithá Ribeiro
Facebook Página Gabriel Mithá Ribeiro
O líder do partido decidiu afastar Gabriel Mithá Ribeiro da coordenação do gabinete de estudos do Chega e este respondeu com uma demissão.

Por despacho, publicado este domingo no site do partido, pode ler-se que Gabriel Mithá Ribeiro foi afastado do cargo de coordenador do gabinete de estudos do Chega. A coordenação fica "atribuída ao Presidente da Direção Nacional, provisoriamente e com efeitos imediatos, (...) até à aprovação, no próximo Conselho Nacional".

Após esta decisão, Gabriel Mithá Ribeiro, também deputado do partido, apresentou a demissão da vice-presidência do Chega, lê-se numa publicação feita pelo próprio no Facebook e na qual partilha o email dirigido a André Ventura.

Nesse email, Mithá Ribeiro refere que já tinha pedido para sair da direção no passado dia 9 de julho, justificando que a sua decisão se torna “inevitável” devido ao “afastamento do cargo de coordenador do gabinete de estudos”.

Gabriel Mithá Ribeiro foi um dos principais responsáveis pelo programa eleitoral do Chega nas últimas eleições legislativas, que sagraram o partido como a terceira força política na Assembleia da República com a eleição de 12 deputados, entre os quais Mithá Ribeiro - eleito pelo círculo de Leiria.

Saliente-se ainda que o agora 'ex-vice' foi o segundo candidato do Chega à vice-presidência da Assembleia da República, após a rejeição de Diogo Pacheco de Amorim, mas também falhou a eleição.

Últimas Notícias